curso online | corpos políticos na literatura marginal e periférica

Quais são os corpos que fazem a literatura marginal e periférica? Como a literatura atravessa esses corpos? E como estes corpos atravessam a literatura contemporânea nas periferias brasileiras?

De que lugar estes corpos falam? O que reinvidicam? Como se organizam? São estes corpos, políticos?

Estas são algumas das questões que a jornalista e pesquisadora Jéssica Balbino se dispõe a discutir no curso inédito: Corpos Políticos na Literatura Marginal e Periférica.

Durante as terças-feiras (10, 17 e 24 e 31 de agosto), ela se dedica a mediar os encontros, de forma online, para apresentar a literatura que vem sendo feita às margens no Brasil e que inclui, de diferentes maneiras, um debate sobre corpos políticos e dissidentes a partir do fazer literário e poético.

INSCREVA-SE: https://bit.ly/corpospoliticosliteratura
SYMPLA: https://www.sympla.com.br/corpos-politicos-na-literatura-marginal-e-periferica__1293365

PRA QUEM É O EVENTO?
O curso é aberto a todes intereressades

VAI ROLAR CERTIFICADO?
Sim, você poderá baixar seu certificado numa plataforma exclusiva.

O CURSO VAI FICAR GRAVADO? Sim, você poderá rever a aula numa plataforma exclusiva com acesso por um ano.

QUEM ENSINA NO CURSO?

Por paixão e por formação, Jéssica Balbino é jornalista e acredita que as narrativas podem transformar o mundo.  Psicanalista em formação, viciada em café e histórias, é mestre em comunicação pela Unicamp, premiada pelo Estado de Minas Gerais com o projeto Margens e pelo Minc com o livro-reportagem “Hip-Hop – A Cultura Marginal”. Recebeu também, por dois anos consecutivos, o prêmio Maiores & Melhores, na categoria Assessoria de Imprensa. 

Dedica-se a registrar histórias por meio das vivências. É autora dos livros “Gasolina & Fósforo”, “Hip-Hop – A Cultura Marginal” e “Traficando Conhecimento”, além de ter participado de várias antologias.

Entusiasta do jornalismo literário, coordena o Margens, projeto que realiza curadoria, divulgação e edição de conteúdo e reportagens de literatura contemporânea brasileira, especialmente a produzida por mulheres. Criou o Insurgências Gordas, primeiro curso com intelectuais gordes do país.

Foi jurada do Prêmio Jabuti e do Prêmio Arte como Respiro do Itaú Cultural. Foi incluída no curso de Literatura Latino-Americana da Universidade de Berlim como bibliografia obrigatória da disciplina de literatura marginal e periférica. 

Participou de eventos literários dentro e fora do país e é também curadora e produtora de projetos literários como o próprio Margens, o  Lá na Laje, que durante o ano de 2018 e 2019 realizou duas temporadas de um clube do livro sem livros no Sesc Pompeia e posteriormente no Sesc Osasco, do ciclo Margens no Itaú Cultural em 2017, bem como do encontro de Arte da Periferia no Flipoços desde 2009. 

É colunista do Estado de Minas, do blog Puta Peita e escreve para veículos como UOL, Catraca Livre, M pelo Mundo, BuzzFeed, Hysteria e Suplemento Pernambuco. Foi editora do G1 por quatro anos. 

Trabalha como assessora de imprensa apenas para pessoas e projetos em que acredita – e que transformam o mundo, entre eles, Mel Duarte e  Livraria Africanidades, já tendo passado por projetos e eventos como Flipoços, Mostra Cultural da Cooperifa, Festival Percurso, entre outros. 

Foi âncora e editora de conteúdo do podcast #Rabiscos entre 2018 e 2020, fazendo mais de 100 entrevistas com autores contemporâneos, conduzindo e construindo séries de entrevistas. 

Em 2017, foi apontada pelo Centro Cultural de São Paulo como uma das 100 mulheres que mais incentivam a cultura no país. Quando não está trabalhando, estuda psicanálise, gosta de cozinhar e viajar, mas depois, escreve sobre as experiências. 

Metodologia: Vídeos, filmes, textos, fóruns de debates, atividades online e produção textual. O material ficará disponível por 60 dias e você acessa dentro da sua rotina.

* encontros semanais on-line de 2h via Google Meet, das 19h às 21h 

* os encontros serão gravados e podem ser assistidos pelo período de 30 dias, na melhor ocasião para as pessoas inscritas que não puderem acompanhar na data;

* material exclusivo de apoio: apostila em PDF especialmente desenvolvida para o curso;

lista de sugestões complementares (livros, filmes, séries, podcasts e afins) com curadoria da professora;

* grupo no WhatsApp para debater a leitura com a turma, com acompanhamento da professora;

*e-mail para dúvidas: contato direto com a professora, com resposta em até dois dias úteis;

Aulas:

10 de agosto
17 de agosto
24 de agosto
31 de agosto 

Duração: 2h por aula

INSCREVA-SE: https://bit.ly/corpospoliticosliteratura
SYMPLA: https://www.sympla.com.br/corpos-politicos-na-literatura-marginal-e-periferica__1293365

Confira os módulos

Módulo 1 – Corpos na literatura marginal e periférica 

O que são corpos políticos?
Quais sãos os corpos na literatura marginal e periférica

Módulo 2 – Dissidência literária 
Corpos dissidentes na literatura
De que lugar escrevem e falam esses corpos
Módulo 3
Vozes e corpos
performance


Módulo 4 
o corpo e a escrita
para onde nossos corpos vão?

INSCREVA-SE: https://bit.ly/corpospoliticosliteratura
SYMPLA: https://www.sympla.com.br/corpos-politicos-na-literatura-marginal-e-periferica__1293365

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: