Sarau dos Refugiados propõe intercâmbio cultural entre vários países no Sesc

Atividade é gratuita no Sesc Belenzinho e tem como mestre de cerimônias a poeta brasileira Débora Garcia

Acontece nesta quarta-feira (8) o Sarau dos Refugiados no Sesc Belenzinho. Com entrada gratuita, o encontro coloca em pauta a diversidade cultural dos povos refugiados que vivem no Brasil. Por meio das manifestações artísticas, os convidados expressam suas realidades e anseios e também ouvem as dos outros, em uma troca intensa de saberes e artes.

O microfone será comandado pela poeta Débora Garcia, que é a mestre de cerimônias e conta com tradutores e convidados de diferentes países como Daniela Solano Gonzãlez, da Colombia, Marc Pierre, do Haiti, Abdul Baset Jarour, da Síria, o grupo “Os Escolhidos”, do Congo, Je leve mês yeux, da França e também o ator e cantor brasileiro Bukassa Kabengele, que é de origem congolesa.

Para a apresentadora da atividade, que também é escritora e criadora do Sarau das Pretas, a ação é um intercâmbio cultural. “São duas horas de atividades que propõe essa troca. No palco temos vários idiomas, dialetos, cores e formas que contam as narrativas destas pessoas. Venham nos conhecer e fazer parte”, convidou.

Serviço – A atividade ocorre na comedoria do Sesc Belenzinho às 20h. A retirada dos ingressos gratuitos deve ocorrer com 30 minutos de antecedência. Mais informações podem ser obtidas no link

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *