Poetas contam como usam literatura para curar as cicatrizes no Flipoços

Convidadas figuram em diferentes listas dos melhores livros do ano e participam de bate-papo no festival O que a arte pode curar? Inspiradas nas próprias dores, cicatrizes e sangue, as poetas Lâmia Brito, Ryane Leão, Luiza Romão e Letícia Brito participam da mesa “entre cicatrizes e sangue: o que fica?” que acontece no dia 04 de maio às 16h no Encontro de Arte da Periferia, parte da programação da 13ª

Pam Araújo lança clipe “Latinas” com participação de mulheres poetas

Obra integra o livro “buraco” que ganha uma nova versão neste primeiro semestre “Quem ouviu falar delas? Quem ouviu falar delas?/ Mulheres coloridas made in América Latina”. Estes são os versos que marcam o início do poema “Latinas”, da poeta Pamella Araújo, a Pam, que foi lançado na última semana. A obra coletiva conta com a participação de 17 mulheres. O vídeo foi filmado pelo coletivo Quatro V no Centro

Especial de dois anos do Sarau das Pretas é celebrado na Casa das Rosas

Coletivo comemora aniversário com apresentação gratuita e microfone aberto no próximo dia 17 de março Para celebrar o aniversário de dois anos, o Sarau das Pretas realiza um sarau especial no próximo dia 17 de março na Casa das Rosas em São Paulo (SP). O encontro terá microfone aberto, entrada gratuita, bolo e sorteio de brindes. O evento comemorativo vai também relembrar a trajetória do sarau, cujo coletivo é formado

Poeta Raquel Almeida disponibiliza livro "Sagrado Sopro" para download

Obra publicada em 2014 possui 53 poemas e marcam etapa na carreira da escritora de Pirituba Após quatro anos da publicação do livro Sagrado Sopro – Do Solo que Renasço, a poeta Raquel Almeida disponibilizou o livro para download na web. Sagrado Sopro é o primeiro livro autoral da poeta. Com 53 poemas que passam por diferentes temas, ela traz à tona o feminino, o sagrado e o amor e suas

Mulheres de Palavra: websérie conta história de mulheres MCs brasileiras

Projeto “Mulheres de Palavra”, idealizado por pesquisadoras negras entrevistou 10 representantes da cultura hip-hop Estreia na próxima segunda-feira (5) a websérie no Youtube “Mulheres de Palavra: Um Retrato das Mulheres do Rap de São Paulo”. Com 10 episódios, o material audiovisual pensando por pesquisadoras negras reconta a história do hip-hop através das mulheres, com entrevistas com MCs (mestres de cerimônia) e Djs. O primeiro episódio traz a MC Dory de

Conheça os livros escritos por mulheres e que inspiraram poetas, escritores, professores, jornalistas e leitores em 2017 “Nós não acreditamos em listas, mas que elas existem, existem”. Por isso, inspirado por listas participativas dos “melhores livros de 2017” como as do Livre Opinião, O Povo e Suplemento Pernambuco, o Margens convidou jornalistas, editores, curadores e poetas para indicarem as três melhores leituras do ano, escritas por mulheres. O levantamento traz

Livro duplo em títulos contrapostos é a segunda da poeta e atriz que vive em São Paulo Às 19h do próximo domingo (26) ocorre, na Aparelha Luzia o lançamento do livro “estanca e espanca”, da poeta Luz Ribeiro. O evento terá sarau e os convidados devem ler textos do livro . A entrada é gratuita. Este é o segundo livro de poesias de Luz Ribeiro e reúne um apanhado de

Coletivo fará três saídas simultâneas em diferentes regiões de São Paulo para declamar poesias nos transportes públicos Comemorando cinco anos distribuindo poesias no transporte público, o coletivo Poetas Ambulantes lança, no próximo domingo (5), o documentário “Essa vida é uma viagem” durante a festa de aniversário, que ocorre no Sacolão das Artes, com entrada gratuita e pocket show com a banda Apologia Groove. Os poetas também realizarão três trajetos diferentes

Intervenção literária ocorre no evento “Raça Negra e Educação: 30 anos depois: E agora do que mais precisamos falar” O Sarau das Pretas se apresenta nesta terça-feira (22) às 13h45 no Seminário “Raça Negra e Educação – 30 anos depois: E agora do que mais precisamos falar” na Unifesp, em São Paulo (SP), levando a arte periférica para dentro da academia. A entrada é gratuita, porém as vagas são limitadas.

Poetisa lançou o clipe “Pretas Panteras” gravado em São Paulo com participação de Luana Hansen e Sarau das Pretas  Com versos potentes e contexto histórico, a poetisa Débora Garcia lançou, no último dia 25 de julho, o clipe “Pretas Panteras”, gravado na Brasilândia, em São Paulo (SP), onde ela reside. Este é o primeiro trabalho dela no rap, como MC. Na canção, que tem quatro minutos, Débora Garcia, até então