Por mais representatividade na literatura latina, 'Ocupação Beauvoir' busca colaboradoras

Proposta criada por Leila Vilhena foi selecionada para ocorrer este ano na Argentina e tem seletiva aberta para mulheres de várias áreas Para combater a desigualdade de gênero no mercado editorial latino-americano, o projeto “Ocupação Beauvoir”, da ativista Leila Vilhena, que vive em Poços de Caldas (MG) aprovado nesta segunda-feira (28) pela 5ª Convocatória de Inovação Cidadã, vai criar uma plataforma de incentivo e ativismo político-cultural para dar visibilidade às

São Paulo recebe mulheres slammers de todo país em ‘Encontrão Poética’

Evento é organizado pelo Slam das Minas – SP e terá roda de conversa, troca e competição no Sesc Pinheiros   Nos próximos dias 13 e 14, a cidade de São Paulo (SP) será tomada por mulheres poetas de pelo menos sete estados brasileiros durante o Encontrão Poética, que ocorre no Sesc Pinheiros, com slammers – competidoras de batalhas de poesia falada – de diferentes partes do Brasil. A entrada

Intervenção literária, já! Conheça 10 poemas de luta escritos por mulheres

Reunimos poesias que falam de violência do estado e intervenção militar; todas elas, escritas por mulheres  Em tempos de greve, desabastecimento e pedidos de intervenção militar, nós criamos a lista “Intervenção literária, já!”, com 10 poemas de luta escritos por mulheres.  Há, nos textos, uma cronologia implícita do golpe aplicado à democracia brasileira. Aperta o play e vem conhecer esta outra narrativa,  vem sendo produzida às margens, com a força

“O Desmanche” de Craca e Dani Nega contra o desmonte dos direitos sociais

Show de lançamento trouxe participações de Luedji Luna, Clarianas, Roberta Estrela D’Alva e Ilú Obá de Min Parceria irreverente e original de Craca e Dani Nega chega ao seu segundo trabalho com o álbum político-poético, “O Desmanche”. O show de lançamento aconteceu no último sábado, dia 5 de maio no Sesc Pompéia e contou com a participação especial do Bloco Afro Ilú Obá de Min com mais de 20 mulheres

Uma marginal na academia: Heloísa Buarque de Hollanda

Em entrevista, crítica literária fala questões do marginal, da produção literária brasileira e o cânone excludente Foi durante as andanças pelo Brasil dos anos 70 que um editor espanhol percebeu que a cada esquina tinha um poeta marginal vendendo um livrinho. A Editora Labor estava prestes a se lançar no país e queria registrar aquele movimento que viria a ser tendência. Por destino ou sorte, no Rio de Janeiro a

Documentário "Pelas Margens" é exibido na Câmara Municipal de Poços de Caldas, MG

Filme independente de Jéssica Balbino será exibido no próximo dia 15 às 19h com entrada gratuita Parte das comemorações do Dia Internacional da Mulher – celebrado em 08 de março – a Câmara Municipal de Poços de Caldas exibe na próxima quinta-feira (15) ás 19h o documentário “Pelas Margens: vozes femininas na literatura periférica”, com direção e produção da jornalista poços-caldense Jéssica Balbino. A entrada é gratuita e após a

Armário de bagunça

Venho pensado muito sobre armários. Sobre sair deles. Sobre, às vezes, entrar mais do que sair. Sobre achar um cantinho confortável por lá, fazer amizade com a velha colcha de retalhos e se acostumar ao cheiro de guardado. Ficar. Abrir a porta do armário, atochar toda aquela confusão – de potes sem tampa, de lençóis de elásticos mal dobrados, de meias sem seus respectivos pares. Guardar tudo e fechar a

'Feliz aniversário, Sílvia', o tom policial certo do livro de Paula Bajer

Obra editada pela Patuá em 2017 conta a história de duas amigas e um crime na véspera e no dia do aniversário de uma delas  Publicada pela editora Patuá em 2017, a autora Paula Bajer acerta no tom policial da novela “Feliz aniversário, Sílvia” e mais ainda na construção das camadas das personagens. De um lado, temos Sílvia, uma advogada que se vê envolvida em uma sequência de crimes e

Editora abre chamada para escritoras negras de ficção científica

A editora Dame Blanche recebe, até o próximo dia 10 de março, originais de autoras (e autores) negras. A seleção é aberta para noveletas (de 7,5 mil a 17,5 mil palavras), para novelas (de 17,5 mil a 40 mil palavras) e ficção especulativa (sci-fi, horror e fantasia). Um discurso sobre a obra, de até cinco linhas, deve ser enviado através do e-mail da editora. Na chamada, a editora esclarece que não

FOME: o soco no estômago dado pela escrita da gorda Roxane Gay

Livro de norte-americana reconstrói a biografia do próprio corpo e coloca o dedo na ferida da gordofobia  por Jéssica Balbino* Não tem outro jeito de fazer a resenha do livro FOME: uma autobiografia do (meu) corpo, da Roxane Gay  (Globo Livros, 290 páginas) sem ser de uma forma pessoal. O livro apareceu para mim, na timeline, como tantos outros, mas me chamou a atenção imediatamente: que livro é esse que fala sobre