Livro duplo em títulos contrapostos é a segunda da poeta e atriz que vive em São Paulo Às 19h do próximo domingo (26) ocorre, na Aparelha Luzia o lançamento do livro “estanca e espanca”, da poeta Luz Ribeiro. O evento terá sarau e os convidados devem ler textos do livro . A entrada é gratuita. Este é o segundo livro de poesias de Luz Ribeiro e reúne um apanhado de

Coletivo fará três saídas simultâneas em diferentes regiões de São Paulo para declamar poesias nos transportes públicos Comemorando cinco anos distribuindo poesias no transporte público, o coletivo Poetas Ambulantes lança, no próximo domingo (5), o documentário “Essa vida é uma viagem” durante a festa de aniversário, que ocorre no Sacolão das Artes, com entrada gratuita e pocket show com a banda Apologia Groove. Os poetas também realizarão três trajetos diferentes

Campeonatos de poesia falada unem-se em disputa na casa da porta amarela na quinta-feira (27)  Para celebrar a oralidade e autorrepresentação, ocorre nesta quinta-feira (27) às 19h o encontro entre o Slam das Minas SP e o Slam das Minas RJ, na casa da porta amarela, que fica na Praça do Rosário, atrás da igreja Matriz em Paraty (RJ) durante a 15ª edição da Feira Literária Internacional de Paraty, a

Obra independente foi escrita ao longo dos últimos cinco anos e marca estreia da autora na cena brasileira “(…) a solidão é um espécie de paraíso que eu não quero entrar tem um coração acorrentado na esquina e essa tempestade é tipo sisal quanto mais molha mais aperta eu nunca mais li um livro inteiro depois que você apareceu atrapalhou até meu jeito de grifar as palavras bonitas que eu

Luz Ribeiro, Mel Duarte, Roberta Estrela D´Alva e Paulina Chiziane falam sobre literatura marginal e periférica no mundo O número de publicações autorais e participações de mulheres em antologias, saraus e slams tem crescido na cena da literatura marginal/periférica, por isso, o Festival Literário de Poços de Caldas, o Flipoços, promove uma mesa para discutir o tema com as escritoras Luz Ribeiro, Mel Duarte – ambas campeãs de poesia falada –  Paulina Chiziane (direto de

Coletivo realizou 15 intervenções durante o primeiro ano e planeja eventos e comemoração para março No próximo dia 12 de março o Sarau das Pretas completa 1 ano e prepara uma agenda com festas e comemorações especiais durante o mês de março em São Paulo (SP). No próximo dia 23 de março haverá uma apresentação comemorativa no Sesc Carmo, com participação do público e microfone aberto. Já no próximo dia

Poeta é a primeira mulher a vencer a final do campeonato de poesia falada e representar o Brasil na França “Eu  queria ganhar, eu  me dediquei  para isso, eu  tenho  vivido  minha poesia diariamente. Nós mulheres negras merecemos o pódio, ontem  eu  trouxe o  troféu, mas tinha mais do  que o  meu  coração  pulsando  ali  em cima”,  disse Luz Ribeiro, de 28 anos, que desde 2012  frequenta os slams –