literatura negra feminina

Inauguração será no próximo dia 09 de dezembro, com lançamento do romance Bará, da autora Miriam Alves No próximo dia 09 de dezembro a bibliotecária Ketty Valencio, de 34 anos, inaugura a loja física da Livraria Africanidades, criada para ampliar o acesso à literatura feita por mulheres negras. A sede batizada de Lá do Mato foi criada com o objetivo de ser um espaço colaborativo para mulheres empreendedoras. Durante a

Com o evento “Encontro com a autora” ela conta a própria trajetória para alunos Na próxima segunda-feira (28.08) e quarta-feira (30.08) a poetisa Débora Garcia realiza o “Encontro com a autora” em duas escolas públicas de São Paulo. As atividades são gratuitas e fazem parte da agenda mensal de eventos da artista, que é também a criadora do Sarau das Pretas, mestre de cerimônias do Sarau dos Refugiados e lançou

Obra chega ao público no próximo sábado (26) às 20h30 em evento no Aparelha Luzia Inspirada pelo cotidiano e pela ancestralidade, a poeta Thata Alves, de 24 anos, lança no próximo sábado (26) às 20h30 o livreto “Troca”, no Aparelha Luzia, com música e performance da autora com textos do livro. A entrada é gratuita. A obra surge com o intuito de trocar não apenas as poesias, mas olhares sobre

Intervenção literária ocorre no evento “Raça Negra e Educação: 30 anos depois: E agora do que mais precisamos falar” O Sarau das Pretas se apresenta nesta terça-feira (22) às 13h45 no Seminário “Raça Negra e Educação – 30 anos depois: E agora do que mais precisamos falar” na Unifesp, em São Paulo (SP), levando a arte periférica para dentro da academia. A entrada é gratuita, porém as vagas são limitadas.

Em mês da visibilidade lésbica, poeta, editora e atriz fala sobre conquistas, arte e existência “Nos quiseram invisíveis, mas nós, lésbicas, sempre fomos história”. Esta é uma das muitas frases importantes ditas pela poeta e programadora cultural Bárbara Esmenia, de 33 anos, em entrevista ao Margens, convidada a falar sobre o mês da visibilidade lésbica, cuja data de comemoração é celebrada em 29 de agosto desde 1996 quando foi realizado

Escolha da data de lançamento é também para comemorar o Dia da Mulher Afro-Latino-Americana e Caribenha Para refletir sobre o papel da mulher negra no mundo, a poetisa Débora Garcia lança, nesta terça-feira (25) o clipe da música Pretas Panteras na Ação Educativa, no centro de São Paulo, com entrada gratuita. O clipe, assim como a música, é uma reverência à data, em que comemora-se o Dia da Mulher Afro-Latino-Americana

Jéssica Balbino assume cadeira de número 31 após pedir troca de patrono por autora negra brasileira A jornalista e escritora  Jéssica Balbino, assume, nesta quinta-feira (20) a cadeira de número 31 na Academia Poços-Caldense de Letras. A cerimônia será às 20h no Espaço Cultural da Urca, em Poços de Caldas (MG) com entrada gratuita. A jornalista que é autora dos livros Pelas Margens (no prelo), Traficando Conhecimento (Editora Aeroplano, 2010)

Margens

Por meio de postais digitais, Elizandra Souza está em busca de pessoas que queiram conhecer mais da literatura contemporânea brasileira feita por mulheres negras “Procura-se leitores de literatura negra feminina”. Esta é a provocação do novo projeto da poeta e jornalista Elizandra Souza, que busca, através de postais digitais, sensibilizar as pessoas para conhecerem e consumirem a literatura negra feminina feita às margens, como a dela própria, entre outras publicações

Experimentar é fundamental para ser melhor. Tente por Jéssica Balbino* Quando eu era criança e alguém me oferecia, para comer, algo que eu não conhecia, tinha o hábito de dizer: não gosto! Minha mãe chamou a minha atenção várias vezes sobre isso. Ela diz: “como você sabe que não gosta, se ainda não experimentou?”. E claro, de tanto me dizer isso, me tornei o tipo de pessoa que arrisca, que

Autora passará por cinco unidades nas zonas norte e sul de São Paulo e lança projeto com postais poéticos e artísticos Celebrando 16 anos de carreira como escritora, a autora Elizandra Souza, que também é jornalista, realiza a partir de quarta-feira (24) uma turnê de rodas de conversa em cinco unidades das Fábricas de Cultura, em São Paulo (SP). Durante os bate-papos, Elizandra Souza deve falar dos livros “Punga” e