Conheça três livros sobre ditadura militar e golpe escritos por mulheres

Em tempos de intervenção militar no Rio de Janeiro, listamos três indicações de leitura para que não percamos a capacidade de nos indignar O período da ditadura militar no Brasil (1964-1985) foi marcado por diversas situações econômicas, sociais e políticas de extremos: as liberdades corrompidas, as desumanidades nos chamados “porões da ditadura”, espancamentos, perseguições etc e em diversas situações podemos perceber nesse período a imposição da força, poder e autoritarismo

Cento e vinte artistas reunidos num uníssono #foratemer! Artistas das sete artes e das muitas outras – literatura, cinema, dramaturgia, teatro, música, quadrinhos, artes plásticas – produziram e cederam obras especialmente para “GOLPE: antologia-manifesto”. Certos de que a arte é uma das mais intensas formas de resistência, os poetas Ana Rüsche, Carla Kinzo, Lilian Aquino e Stefanni Marion decidiram organizar a coletânea como forma de protesto, reunindo os simultâneos murmúrios descontentes,