Jornalista abre inscrições para turma 02 para curso que aborda obras, trajetória e as vozes femininas das periferias na literatura brasileira atual Em razão da grande procura pelo curso “Pelas Margens: vozes femininas na literatura periférica”, a jornalista Jéssica Balbino abre a TURMA 02 para o curso, que vai abordar quem são as mulheres da literatura contemporânea brasileira a partir das margens e periferias. O curso acontece totalmente online, tem

Evento ocorre no dia 16 de agosto com entrada gratuita e bate-papo com a autora sobre o amor e o processo criativo Para discutir a presença da mulher nos contos e o amor, a escritora Ana Esterque convida para o lançamento do livro “O amor não presta para nada” no próximo dia 16 de agosto (quarta-feira) das 18h às 21h na Livraria Giostri, que fica na Casa das Rosas. No

Ebulição Marginal recebe Jéssica Balbino para curso sobre literatura feita por mulheres na próxima quarta-feira (9)  Pela primeira vez, a cidade de Curitiba (PR) recebe, na próxima quarta-feira (9) o curso “Pelas Margens: vozes femininas na literatura periférica”, mediado pela pesquisadora Jéssica Balbino, que participa do evento Ebulição Marginal | mulheres à margem resistem.  A aula acontece das 13h30 às 17h30 na Casa da Leitura Wilson Bueno | Portão Cultural.

Campeonatos de poesia falada unem-se em disputa na casa da porta amarela na quinta-feira (27)  Para celebrar a oralidade e autorrepresentação, ocorre nesta quinta-feira (27) às 19h o encontro entre o Slam das Minas SP e o Slam das Minas RJ, na casa da porta amarela, que fica na Praça do Rosário, atrás da igreja Matriz em Paraty (RJ) durante a 15ª edição da Feira Literária Internacional de Paraty, a

Transexualidade e diferentes formas de se fazer literatura também estão em pauta no encontro com Kika Sena e Janaína Moitinho; Conversa é mediada por Jéssica Balbino “Ser ou não ser escritor?!”. A pergunta que assombra quem está com a gaveta cheia de escritos é o que move a pauta desta quarta-feira (26) às 19h no Ciclo Margens, que acontece no Itaú Cultural, no centro de São Paulo e recebe como

Escolha da data de lançamento é também para comemorar o Dia da Mulher Afro-Latino-Americana e Caribenha Para refletir sobre o papel da mulher negra no mundo, a poetisa Débora Garcia lança, nesta terça-feira (25) o clipe da música Pretas Panteras na Ação Educativa, no centro de São Paulo, com entrada gratuita. O clipe, assim como a música, é uma reverência à data, em que comemora-se o Dia da Mulher Afro-Latino-Americana

Francisco Noa e Pedro Pereira Lopes ganharam edições brasileiras através da editora Kapulana Dois novos autores moçambicanos – Francisco Nova e Pedro Pereira Lopes ganharam publicações brasileiras neste mês de julho. A editora Kapulana, conhecida pelas publicações de autores de Moçambique, é a responsável pelo feito no Brasil. Um dos títulos é o Uns e outros na literatura moçambicana, com ensaios de Francisco Noa. A obra ensaísta que integra a série

Jéssica Balbino assume cadeira de número 31 após pedir troca de patrono por autora negra brasileira A jornalista e escritora  Jéssica Balbino, assume, nesta quinta-feira (20) a cadeira de número 31 na Academia Poços-Caldense de Letras. A cerimônia será às 20h no Espaço Cultural da Urca, em Poços de Caldas (MG) com entrada gratuita. A jornalista que é autora dos livros Pelas Margens (no prelo), Traficando Conhecimento (Editora Aeroplano, 2010)

Dona Jacira e Letícia Brito são convidadas desta quarta-feira para conversa com Jéssica Balbino As narrativas femininas e como elas são construídas estarão em pauta nesta quarta-feira (19) ás 19h no Ciclo Margens, que acontece no Itaú Cultural, no centro de São Paulo e recebe como convidadas a poeta Letícia Brito, que vive no Rio de Janeiro e a bordadeira e contadora de histórias, Jacira Roque de Oliveira, que também

Aos 22 anos, Gabriela Bandeira teve o interesse no tema despertado após um caso próximo e resolveu narrar histórias Com histórias reais, de personagens reais, a jornalista Gabriela Bandeira, de 22 anos, lança nesta quinta-feira (13) às 18h30, no Âncora Cofee House, dentro do Solve Campus, o livro “Singularidades – Um olhar sobre o autismo”.  A obra de 136 páginas foi feita de maneira independente e adota o jornalismo literário