Armário de bagunça

Venho pensado muito sobre armários. Sobre sair deles. Sobre, às vezes, entrar mais do que sair. Sobre achar um cantinho confortável por lá, fazer amizade com a velha colcha de retalhos e se acostumar ao cheiro de guardado. Ficar. Abrir a porta do armário, atochar toda aquela confusão – de potes sem tampa, de lençóis de elásticos mal dobrados, de meias sem seus respectivos pares. Guardar tudo e fechar a

Um estilo de vida literário. Que tal?

Livros na estante são apenas depósitos de poeira ou um fundo cult para fotos de instagram, diriam os mais radicais. Eu, radical, concordo. É importante, na primeira crônica desse espaço, deixar claro as nossas intenções: minhas e suas. Eu acredito no livro fora de si, vivo, perambulando. E você, que tipo de literatura crê? Encaro o livro como ponto de contato inicial entre ideias, realidades, pessoas e universos. O livro

Dica de leitura em tempos obscuros: 'Seis temas à procura de um poema'

No último dia 16 de fevereiro, o presidente Michel Temer assinou o decreto que autoriza uma intervenção federal no Rio de Janeiro. A escritora Raquel de Oliveira, então, escreveu sobre o tema. Para acalmar corações nestes tempos obscuros, indica a leitura do livro “Seis temas à procura de um poema”, publicado durante a Festa Literária das Periferias (Flup) em 2017. “São poemas que flertam com a nossa indignação”, anunciou o

um ensaio sobre o poema 'Vagina' de Maria Teresa Horta

Meu interesse pela poética erótico feminista surgiu por acaso, ou melhor, tive uma aula sobre o poema ‘Vagina’, de Maria Teresa Horta, na aula do Prof. Dr. Emerson Inácio, um dos professores da área de Estudos Comparados de Literaturas de Língua Portuguesa, ou ECLLP. Militante do Movimento LGBT, suas aulas demonstravam as relações entre a literatura de países falantes do português como Brasil, Angola. Moçambique, Portugal etc.. Mas sempre sob

Conheça três livros sobre ditadura militar e golpe escritos por mulheres

Em tempos de intervenção militar no Rio de Janeiro, listamos três indicações de leitura para que não percamos a capacidade de nos indignar O período da ditadura militar no Brasil (1964-1985) foi marcado por diversas situações econômicas, sociais e políticas de extremos: as liberdades corrompidas, as desumanidades nos chamados “porões da ditadura”, espancamentos, perseguições etc e em diversas situações podemos perceber nesse período a imposição da força, poder e autoritarismo

Timidez, o casal de desconhecidos, câmeras analógicas e o amor captado num disparo

“Uma das minhas maiores dificuldades é conversar com as pessoas, até então desconhecidas, que fotografo” Esta é minha estreia na coluna Disparo. Optei por uma imagem bastante significativa na minha trajetória de registros nas ruas: ela envolve personagens que observo a certo tempo e uma das minhas maiores dificuldades que é conversar com as pessoas, até então desconhecidas, que fotografo. Raquel e Vagner estão sempre pelo centro de Campinas (SP),

Com caráter universal, produções negras conquistam cada vez mais

Destaques na música e no cinema no último ano mostram que formato é acerto na indústria cultural   por Sidélia Silva*   Podemos perceber em 2017 muitas produções negras foram premiadas e se não premiadas foram muito aclamadas pelo público. E isso tem a ver com a identificação do público, não só da população negra, mas de todos os públicos, talvez por causa do formato das produções, que ao invés