Com talks culturais e espetáculo ‘zero’, MIA divulga parte da programação em Poços, MG

Com talks culturais e espetáculo ‘zero’, MIA divulga parte da programação em Poços, MG

Mostra ocorre entre os dias 24 de agosto e 01 de setembro e recebe performance de dança contemporânea inédita, além de palestras curtas

Com mais de 70 horas de programação, a primeira Mostra Integrada de Artes, a MIA, que ocorre em Poços de Caldas (MG) entre os dias 24 de agosto e 01 de setembro e ocupará diferentes espaços da cidade, anuncia, na programação, os talks culturais, inspirados no formado do TED Talks, que reúne diferentes artistas e empreendedores em pequenas palestras sobre cultura e economia criativa.

Os talks ocorrem no dia 28 de agosto a partir das 19h no New York Pub, com entrada gratuita, e entre os nomes estão o escritor Tadeu Rodrigues e a jornalista Jéssica Balbino, falando sobre o podcast Rabiscos, um novo formato de difusão da literatura. No graffiti, o Studio Gotta fala sobre a Semana Urbana em Poços de Caldas. Na área do teatro, Rafaela Jacon, da Cia Conscius Dementia é quem fará o talk.

No empreendedorismo social, Thais Costa fala sobre a incubadora de negócios, A Guarda-Chuva. Já Eduardo Alvisi apresenta o evento Blue Cloud, tradicional encontro de carros antigos. Na área audiovisual, China Trindad é quem conta um pouco da sua trajetória, e na fotografia, João Fábio Matheasi apresenta seu trabalho e suas perspectivas para essa arte.  Diretamente de São Paulo, tem ainda Ana Paula Maich apresentando startup premiada pelo Sebrae com um novo projeto para elaboração de turnês musicais, que traz a plataforma Dale Gig como nova ferramenta para criação e gestão de tours, e usando o case Duo Finlandia. A plataforma será também apresentada detalhadamente no outro dia, numa oficina a ser realizada no Museu Histórico e Geográfico. Outros participantes devem estar presentes nos talks.

Na sequência, representantes do evento de tecnologia e inovação, o HackTown, da cidade de Santa Rita do Sapucaí, realizam a mesa “Festivais culturais e segmentos, os impactos no contexto cidade e os desafios de modelos sustentáveis”, com Carlos Henrique Vilela e Marcelo Educa.

Para encerrar, Nego Moura e Os Catiorobitchos apresentam as músicas do disco ‘Ladeira’, que será lançado dias antes em todas as plataformas digitais. Para o show, contam ainda com participação especial do DJ Dough Leve.

Conforme explica a organizadora da MIA, a gestora cultural Chiara Carvalho, a ideia de realizar os talks veio para compartilhar conhecimento. “Queríamos proporcionar este intercâmbio de conhecimento, para que as artes correlatas dialoguem entre si e também conheçam cases de sucesso em cada área, onde cada um empreende à sua maneira”, destacou.

Dança contemporânea inédita é destaque

Outra atração confirmada para a mostra é a performance de dança contemporânea de Letícia Rodrigues, apresenta Projeto Zero, que chega pela primeira vez a Poços de Caldas.

0 (zero) é uma dança solo de Letícia Rodrigues que traz ao palco questões autobiográficas sobre uma condição genética que afeta seu corpo. Em cena, corpo, música e um objeto-corpo pneumático compõem uma dança tecida entre fragilidade, limite e respiração.

A apresentação ocorre no sábado (31 de agosto), às 15h, no Parque Municipal, e trata-se de uma dança desenvolvida na tessitura entre fragilidade, ontogênese (processo evolutivo acerca das alterações biológicas sofridas pelo indivíduo desde o seu nascimento até seu desenvolvimento final), limite e erro.

Com música ao vivo, a coreografia é uma pesquisa em dança que tem como impulso uma forte experiência pessoal, onde o corpo da bailarina embrenha-se com um ser pneumático – indissociáveis que se retroalimentam e respiram juntos – na construção de um espaço que compõe um organismo único.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *