Com edital, padê editorial vai publicar mais de 40 autoras LBTs

Com edital, padê editorial vai publicar mais de 40 autoras LBTs

Editora que produz livros artesanais abre seleção para originais e prioriza autoras lésbicas, travestis, transexuais e bissexuais 

Estão abertas as inscrições para envio de originais para a padê editorial, que vai publicar 44 autoras LBTs: lésbicas, travestis, mulheres transexuais e bissexuais. O envio dos originais pode ser feito até o final deste mês, via formulário online.

As criadoras da editora, Tatiana Nascimento e Bárbara Esmênia participaram do ELAS Fundo de Investimento Social e através do projeto, conseguirão, de forma artesanal/cartonera, publicar mais de 40 autoras por meio da ação “escrevivências artesanais”, que dá aporte financeiro e técnico para a produção de tiragens de até 50 livros para cada título/autora selecionada. Será um título por autora.

O resultado será divulgado em maio e há uma cota de 70% para autoras negras, desde que sejam lésbicas, bissexuais, mulheres trans ou travestis.

“Além deste recorte, o projeto prioriza as autoras do Distrito Federal, mas, quem mora em outro lugar também pode participar e há chances”, destacou Tatiana Nascimento no anúncio da seleção pelo Facebook.

Serviço – As inscrições podem ser feitas pelo link: https://goo.gl/XCVgCn

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *