Livraria Africanidades estreia clube de leitura com inédito de Angela Davis

Clube terá bate-papo sobre o “A liberdade é uma luta constante” e encerramento com Sarau DasPrê

No próximo dia 22 de março às 19h30 a Livraria Africanidades, a primeira do país especializada em literatura negra feita por mulheres, estreia o Clube de Leitura Africanidades e traz uma roda de conversa sobre o livro “A liberdade é uma luta constante”, que é o mais recente lançamento da Angela Davis, publicado pela editora Boitempo.

Conforme conta a proprietária da livraria, Ketty Valencio, durante o encontro haverá também uma discussão em torno dos últimos capítulos dos outros livros da professora norte-americana lançados no Brasil, que são “Mulheres, Raça e Classe” e “Mulheres, Cultura e Política”. O encerramento do encontro ficará por conta do Sarau DasPrê.

O clube será feito por admiradoras da Angela Davis, com mediação da editora da Boitempo e participação especial do projeto Mulheres Negras na Biblioteca.

“A intenção desse encontro é realizar um Davis Day, um grande pretexto para conversar sobre a contribuição das obras dessa intelectual incrível em nossas vidas e também apresentar o seu mais recente trabalho”, disse Ketty Valencio.

ღ LIVRARIA AFRICANIDADES adverte ღ
*O espaço que será realizado o evento é um território livre de racismo, gordofobia, sexismo, machismo, lesbofobia, transfobia, homofobia, fascismo e qualquer outra forma de opressão.

Sobre o livro “A liberdade é uma luta constante”
O novo livro da ativista política Angela Davis reúne uma ampla seleção de seus artigos, discursos e entrevistas recentes realizados em diferentes países entre 2013 e 2015, organizados pelo militante dos direitos humanos Frank Barat. Os textos trazem reflexões sobre como as lutas históricas do movimento negro e do feminismo negro nos Estados Unidos e a luta contra o apartheid na África do Sul se relacionam com os movimentos atuais pelo abolicionismo prisional e com a luta anticolonial na Palestina. Além de sua reconhecida atuação política no combate ao racismo, Davis denuncia também o sexismo, demonstrando de forma muito objetiva a relação entre a violência contra a mulher e a violência do Estado.

Serviço
O quê: Clube do Livro com lançamento de “A liberdade é uma luta constante”
Quando: 22 de março (quinta-feira) às 19h30
Onde: Livraria Africanidades
Endereço: Rua Aimberê, 1158 – Perdizes, São Paulo – SP
Informações: https://www.facebook.com/livrariafricanidades/
Ingresso: gratuito

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: