nolombo doburro reúne escritoras em conversa em SP

Com a proposta de conversar  sobre literatura, o selo doburro realiza nesta terça-feira (27) ás 20h na Casa Elefante, em São Paulo (SP), a edição inaugural do evento nolombo do burro. A entrada é gratuita e neste primeiro encontro a escritora Luiza Romão convida Marília Garcia para uma conversa, debate e sarau. A mediação será com Daniel Minchoni, criador da editora.

“O nolombo do burro é um encontro de autores do selo doburro com poetas que livremente lhe inspiram pela obra ou forma de trabalhar. Nesse evento a proposta é fazer um verdadeiro pinball de processos criativos, onde as informações vão batendo e criando novos e mais variáveis caminhos e possibilidades”, anuncia o selo.

Neste primeiro encontro, as mulheres falarão especialmente sobre os processos que as trouxeram até aqui. “Nesse formato, a platéia estará sempre interativa, possibilitando conhecer mais do processo criativo de cada autor e como isso repercute diretamente na obra”, explicam.

A ideia é que toda última terça-feira do mês aconteça um encontro com autores do selo e convidados.

Conheça  mais sobre as convidadas

Marília Garcia (Rio de Janeiro, 1979) é uma escritora, tradutora e editora brasileira.

Publicou os livros 20 poemas para o seu walkman (São Paulo: Cosac Naify, 2007/ Bahía Blanca, Argentina: Vox Editorial, 2013),[2][3] Engano geográfico[4] (Rio de Janeiro: 7letras, 2012 / Error geográfico: Barcelona, 2015), Um teste de resistores (Rio de Janeiro: 7letras, 2014 / Lisboa: Mariposa Azual, 2015), Paris não tem centro (Megamíni, 2015) e Câmera lenta (São Paulo: Companhia das letras, 2017). Participou de encontros e festivais de poesia como o “Corpo a corpo com a poesia”, na Casa das Rosas, em São Paulo, o Festival Latinoamericano de Poesía Salida al Mar, em Buenos Aires[5] e o Festival Europalia, na Bélgica, em 2011.

É co-editora, com os poetas Angélica Freitas, Fabiano Calixto e Ricardo Domeneck, da revista de poesia Modo de Usar & Co[6] e, em 2015, fundou a LunaPARQUE Edições com o poeta Leonardo Gandolfi. Formou-se em Letras e, em 2010, doutorou-se em Literatura Comparada.

Atualmente mora em São Paulo e trabalha com tradução.

Luiza Romão
Luiza Romão é poeta, atriz e diretora de teatro. Autora dos livros Sangria e Coquetel Motolove.  Já participou de inúmeros saraus/slams (sendo campeã do Slam do 13, Slam da Guilhermina e vice-campeã nacional via Slam BR). Criou mais de quinze videopoemas, explorando a linguagem do spoken word. Formou-se em 2014 em Direção Teatral na ECA/USP e, atualmente, estuda na Escola de Artes Dramática. Já participou da Cia Ato Reverso e do grupo Teatro Documentário. Atualmente é atriz convidada no Núcleo Bartolomeu de Depoimentos; e integrante do coletivo de performance da palavra Literatura Ostentação. Também é arte-educadora, já tendo trabalhado em diversos programas e projetos de cultura.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *